Plantas Que Curam - O seu guia de Plantas Medicinais na Internet

ANIS ESTRELADO

llicium verum

Descrição : Lord Cavendish foi o primeiro a conhecê-la na China, no século XIX, e quem o introduziu na Europa. Descrição O anis-estrelado é uma árvore que pode chegar a até 10 metros de altura produzindo pequenas flores amarelas. Suas folhas são largas e de verde muito intenso, e o que mais caracteriza esta planta são seus frutos na forma de estrela, sendo que no interior de cada “ponta” existe uma semente. Esta árvore parece com o pé de eucalipto, e pode produzir até 4.000 frutos por colheita. Possui coloração marrom e forte aroma característico, sendo muito mais forte que a erva-doce ou o funcho. Muito rico em óleos essenciais, são utilizados principalmente como aromatizantes. Confusão de nomes Existe uma grande confusão com o nome "anis". No Brasil refere-se ao anis estrelado, só que no resto do mundo o termo "anis" ou "anis-verde" é empregado quando se refere à planta Pinpinella anisum, que aqui no Brasil é chamada de "erva-doce". O anis-estrelado não é muito empregado no Brasil, provavelmente devido ao preço um tanto quanto salgado. Não é cultivado em nosso território, sendo importado principalmente da Europa.

Parte utilizada do vegetal são os frutos com suas sementes.

Origem : Sua origem é tida como chinesa.

História: Seu nome latino deriva do inglês allurement - encantamento, fascinação. Planta belíssima, tem uso milenar co mo condimento, medicamento e planta mágica.

Propriedades : É muito parecida com as ações da “erva-doce”, sendo muito empregado como digestivo e principalmente como carminativo, ou seja, facilita a eliminação de gases estomacais e intestinais, além de ser um excelente anti-espasmódico. É muito comum o chá para cólicas intestinais em recém-nascidos, mas deve-se tomar cuidado com os excessos, pois pode intoxicar as crianças. Outros usos Não temos muitas aplicações do anis-estrelado em nossa cultura, mas pode-se preparar um delicioso chá para ser tomado tanto quente quanto gelado. Pode-se ferver leite com alguns frutos do anis e empregar este leite na produção de bolachas, pães ou outros produtos. Usa-se também para a produção de licores ou outras bebidas alcóolicas. Os chineses utilizam apenas um fruto para temperar pedaços grande de carne, e acreditam que se cozidos juntamente com os frutos do mar evitariam possíveis envenenamentos. É muito empregado pela indústria farmacêutica, de bebidas e perfumaria. O nome Illicium vem do radical latino illicere, que quer dizer “atrair e seduzir”, daí vem o termo em português aliciar. O nome foi dado devido ao aroma forte e agradável que exala, realmente seduzindo as pessoas.

Indicações : Eliminação de gases estomacais e intestinais, cólicas intestinais em recém-nascidos. Digestivo, carminativo, anti-espasmódico.

Modo de usar: - infusão a 1% - dose máxima diária: 150 ml.; - infusão: uma colher, das de café, de anis estrelado em uma xícara de água fervente. Deixar esfriar e coar. Beber uma ou duas xícara por dia. - Tintura - dose máxima diária: 20 ml.

Principios Ativo : Óleos essenciais, anetol, felandreno, safrol, terpinol, 1,4 cineol.

Efeitos colaterais: Não causa danos á saúde ou efeitos colaterais nas doses terapêuticas indicadas. Pode ocorrer sensibilização muito raramente, com o uso continuado.

Posologia: Adultos: 10 a 20ml  de tintura divididos em 2 ou 3 doses diárias, diluídos em água 1,5g de fruta inteira ou sementes secas (1 colher de café para cada xícara de água) em decocto, 2 vezes ao dia, com intervalos menores que 12hs. 1 gota de óleo essencial para cada xícara de água em uso interno, como chá. Crianças tomam de 1 /6 até 1/2 da dose.

Anis Estrelado



Ajude Plantas Que Curam a difundir a saúde pela natureza, divulgando nosso site nas redes sociais.

Nosso site é um serviço oferecido de forma gratuita, mais se caso você desejar contribuir com nosso trabalho, pode fazer uma doação pelo sistema pagseguro do Universo On-line.