Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

ASSACÚ

Hura crepitans

Essa planta rica em lectinas, possui a propriedade de inibir a síntese de proteínas, muito útil no combate a vermes.

Descrição : Planta da Família das Euphorbiaceae, também conhecida como uassacú, árvore-do-diabo, catauá, no-perú, acaçú. É uma árvore tropical que atingem uma altura de 90 à 130 pés, com um tronco de espinhos e galhos se espalhando.

A casca é cinza, coberta com espinhos cônicos. A haste é longa, as folhas são finas, em forma de coração de até 2 metros de comprimento, tem flores vermelhas.

A planta segrega um suco leitoso amarelo usado pelos indígenas para envenenar flechas. O suco contém duas lectinas, que têm atividade hemaglutinante, que inibe a síntese de proteínas. Esse suco ou latex é utilizado na pesca fluvial para matar os peixes.

A forma explode a abóbora com um grande estrondo para que as sementes são dispersas apartamento em uma área ampla. A madeira macia é utilizada para móveis sob o nome de Hura, é clara, amarela ou marrom

Origem : Amazônia.

Propriedades medicinais: inseticida, vomitiva, suas sementes são eméticas e quando verde, muito purgativas. Óleo extraído das sementes secas também são usadas como purgante.

Indicações: furúnculo, lepra, reumatismo.

Contraindicações/cuidados: Pela sua ação tóxica não deve ser usada internamente, seu uso interno provoca hemorragia interna, cegueira, constrição da garganta, diarreia.

O latéx que a planta produz quando é retirado suas folhas, flores ou frutos é irritante para mucosas, provocando nos olhos forte oftalmia e, na boca, um forte ardor, queimaduras graves em contato com a pele.

Referências:

_Glossário de plantas oleaginosas e ceríferas: II --Euforbiáceas

BUNN, Karl., Glossário da Medicina Oculta de Samael Aun Weor., Editora Samael Aun Weor, 2012. Página 107.

CAVALCANTI, Rogério. Plantas da Amazônia -2. Edição, Rio Branco/AC, Clube dos Autores, 2007. Página 61.

ZARIN, Daniel, As florestas produtivas nos neotrópicos: conservação por meio do manejo sustentável -Editora Peirópolis, 2005.

Trilhas da ESAQ - Universidade do Estado de São Paulo.

Assacu



Dieta  de 21 dias