Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

CAMBUI

Myrcia sphaerocarpa

Descrição : Planta da família das Myrtaceae, também conhecida como insulina vegetal, Cambuí, pedra-ume-kaa, pedra-hume-caá. Tem aparência de cobra e abunda nos catingais do Brasil. Sua casca é parda, sua folhagem é miúda, em palminhas, de ramagem bem disposta, com muitas flores brancas, pequenas. Dá pequenas vagens chatas, pardas, de sementes pequeninas. Floresce em maio. Perde as folhas entre o outono e o inverno, ficando seus ramos em completa nudez.

Parte utilizada: Folhas, casca, raiz.

Princípios Ativos: Beta-amirina, eucaliptina, glucosídios flavanone, mircina, sesquiterpenos, terpenos, taninos .

Propriedades medicinais: Adstringente, antidiabético, hipoglicemiante.

Indicações: Colesterol, diabete, diarreia, dieta para emagrecimento, enterite, problemas renais, hemorróidas, inflamação de útero, ovário.

Contraindicações/cuidados: Não é aconselhado uso para crianças

Modo de usar:

- Infusão ou decocção de uma colher das de sobremesa de toda a planta, picada, em uma xícara das de chá de 4 a 8 vezes ao dia: diabete.

Nota: no caso de usar só folhas faça por infusão. Cascas e raiz por decocção.

Cambuí


Dieta  de 21 dias