Plantas Que Curam - O seu guia de Plantas Medicinais na Internet

CAMOMILA COMUM

Chamomilla recutita

Farmacologia: A camomilatem um possivel efeito antiinflamatorio, mas não ha nenhum ensaio clinico publicado que suporte os resultados de experiencias em animals; Os componentes quimicos da camomila, tais como o bisabolol, o camazuleno, e os flavonoides apigenina e luteolina, pos-suem propriedades antiinflamatorias. Com excegao do camazuleno, os mesmos componentes quimicos tambem demonstraram efeitos anties-pasmodicos nas experiencias em animals; Em um estudo projetado para investigar a eficacia do creme de camomila na dermatite aguda causada por radiagao, nenhuma diferenga foi encontrada entre o creme de camomila e os cremes de amendoa. Revisao dos resultados obtidos não propiciou experimentagoes adicio-nais; consequentemente, o uso do creme de camomila para esta finalidade não e recomendado. Um extrato etanolico de camomila, contendo primariamen-te apigenina, demostrou uma atividade estroge-nica e progestacional fraca em um sistema de tecido in vitro; Embora a apigenina extraida da camomila tenha demons-trado uma inibigao da ligagao de benzodiazepina nas membranas do cerebro dos ratos, nenhum efeito anxiolitico foi observado nos animais, indicando que sua atividade do SNC não e mediada através deste mecanismo; As infu-soes de camomila sao tradicionalmente usadas como antiespasmodicos gastrointestinais, apesar da falta de experimentagoes rigorosas para apoiar este uso. Um pe-queno ensaio com um cha que continha camomila e outras ervas, foi eficaz no tratamento da colica infantil, mas o volume de cha exigido para este efeito limitou sua utilidade; As preparagoes comerciais de cremes contendo camomila são amplamente disponiveis apesar da falta das experimentagoes para apoiar o seu uso; Um extrato aquoso de camomila demonstrou uma atividade antiestrogenica no tecido das celulas da mama e demonstraram um efeito não-proliferativo em celulas cancerosas cervicais em um estudo projetado para medir o eferto; O uso da camomila na mucosite induzida pela radiagao e/ou quimoterapia foi estudada em diversas experimentagoes com resultados contraditorios. O uso profilatico de gargarejos ou enxaguatbrio bucal de camomila preveniu a ocorrencia, atrasou o inicio e reduziu a intensidade da mucosite em 2 estudos. Em uma outra experimentagao, a camomila não foi mais eficaz do que o placebo; O uso de uma preparacao de camomila em criangas com diarreia aguda e não com-plicada reduziu a duragao do episodic diarreico quando comparado com o placebo, e reduziu tambem a frequenda das fezes; Em um estudo projetado para aval iaro efeito da massagem com o 6leo essencial de camomila contra a massagem somente, nenhuma diferenga foi encontrada entre os 2 bragos massageados. O uso prolongado do oleo essencial apos o termino do estudo mostrou uma re-dugao na severidade do eczema, sugerindo uma possivel sensibilizagao ao oleo; Em um outro ensaio, o creme de camomila foi tao eficaz quanto cremes de 0,25% de hidrocortisona no tratamento da eczema atopica. Um ensaio mais recente, usando extratos de camomila não-alergenicos, mostrou que o extrato da camomila e ligeira-mente superior a hidrocortisona 0,5%, mas somente mar-ginalmente melhor do que o placebo; Em um estudo pe-queno, cego, cruzado, controlado com placebos, o oleo aromatizado de camomila demonstrou um efeito sedativo e um efeito positive no humor. As mudancas na atividade da onda alfa durante a inalagao do oleo de camomila foram demonstradas usando um mapea-mento por eletroen-cefalograma. Os sintomas da falta de morfina foram dimi-nuidos quando a camomila foi coadministrada. Em um estudo que investigou a eficacia dos oleos essenciais em reduzir a ansiedade matema durante o trabalho de parto, o uso aromate-rapico da camomila conduzido a uma redu-gao no uso do opiaceos, com menos de 1 % das padentes relatando reagoes adversas minimas.

Camomila