Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

CIPÓ CRUZ

Arrabidaea chica

Descrição : Planta da família das Bignoniaceae, também conhecida como cajuru, carajirú, crajirú, carajunú, carajurú, crajurú, chica, china, cipó-pau, coá-piranga, cuica, guajurú, guajuru-piranga, guarajuru, cajuru, cajuru-piranga, piranga, parirí, paripari.

Parte utilizada: Folhas, flores.

Princípios Ativos: Ácido anísico, alcaloides, bixina, carajurina, carajurone (pigmentos flavônicos), cianocobalamina, cumarinas, 3-deoxiantociianidina, ferro assimilável, flavonoides, genipina, pseudoindicanas, quinonas, saponinas, taninos , triterpenos.

Propriedades medicinais: Adstringente, afrodisíaca, antianêmica, antidiabética, antidiarreica, antidisentérica, antileucêmica, anti-inflamatória, cicatrizante, desinfetante, emoliente, expectorante, fortificante.

Indicações: Afecção da pele de um modo geral, albuminúria, anemia, cólica intestinal, conjuntivite, diarreia, diarreia sanguíneas, enterocolite, feridas, hemorragias, inflamação uterina, icterícia, impigens, inflamações (uterinas e ovarianas), lavagem de feridas, leucemia.

Modo de usar:

- Infusão das folhas: cólicas intestinais, diarreia, enterocolites, inflamações uterinas, leucemia, icterícia, anemia, albuminúria;

- Infusão ou pomada das folhas para uso local: afecções da pele de um modo geral, impinges e na lavagem de feridas; ação de 4 folhas em meio copo de água: adstringente (diarreia, anemia, leucemia, inflamações uterinas, hemorragias).

Cipo Cruz

Dieta  de 21 dias