Plantas Que Curam - O seu guia de Plantas Medicinais na Internet

PARA QUE SERVE A EQUINÁCEA

Echinacea angustifolia

Descrição : Planta da família das Asteraceae, também conhecida como flor-de-cone, púrpura. Seu caule tem entre 30 à 50 centímentros de comprimento e as folhas são lanceoladas, hirsutas, afinando nas pontas, e maiores na base do que no ápice da planta. A rais e o rizoma são afunilados, cilíndricos, lieiramente espiralados, e êm aroma suave e sabor adocicado. É uma planta anual e resitente, que apresenta flores roxas em forma de margarida, com o miolo espinhoso.

Origem : América do Norte.

Partes utilizadas : Raiz e rizoma.

Princípios Ativos: Acetato de bornil, ácido caféico, ácido chicórico, ácidos graxos, alcamídeos, betaina, borneol, cariofileno, cinarina, echinacina, equinacosídeo, inulina, isotussilagina, resina, polialcanos, polissacarídeos, saccarosídeos, tusselagina.

Propriedades medicinais: Afrodisíaca, antialérgica, antibiótica, antiinflamatória, antimicrobiana, anti-séptica, estimulante imunológico, depurativa, fortificante, tônico linfático.

Dedaleira

Indicações: Câncer, difteria, erisipela, furúnculos, gangrena, hemorróidas, impurezas no sangue, manchas na pele, pele inflamada ou irritada, resfriados, sardas. É útil em casos de dispepsia fermentativa e febres, inclussive febre tifóide, ela atualmente é usada como estimulante do sistema imunológico. Combinada em partes iguais com verbasco, mirra e açafrã, é um excelente remédio caseiro para infecções por estreptococos.

Contra-indicações/cuidados: Não recomendada para doenças que podem afetar o sistema imunológico, com o diabetes, esclerose múltipla, aids, tubrculose, leucemia, lupus eritematoso.

Efeitos colaterais: Pode induzir o excesso de salivação em algumas pessoas e algumas doses podem provocar nauseas e vertigens.

Modo de usar: 200 mg de estrato padronizado em 16 % de polisacarídeos e 4 % de echinacosídeos 2 a 3 vezes ao dia.




Indique nosso site para um amigo.