Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail

ERVA TOSTÃO

Boerhavia diffusa

Descrição: Planta da família das Nyctaginaceae, também conhecida como agarra-pinto, amarra-pinto, batata-de-porco, beldroega-grande, bredo-de-porco, celidônia, pega-pinto, solidônia, tangará, tangaracá. Erva rasteira de caule com pelos, abundantes em todas as regiões brasileiras. Folhas verdes na face superior e esbranquiçadas na inferior. Flores pequenas, rosas arroxeadas, raiz de cor rósea na parte externa e branca internamente e de sabor picante

Parte utilizada: Raízes.

Erva Tostão

Princípios Ativos: Ácido boerhávico, amido, boerhavina, lipídeos, matéria sacarina, sais inorgânicos (nitratos), substâncias pécticas e gomosas.

Propriedades medicinais: Antiblenorrágica, antidispéptica, anti-hidrópica, antileucorreica, antinefrítica, desobstruente, diurética, peitoral.

Indicações: Afecções hepáticas, albuminúria, anúria, baço, béri-béri, cálculo biliar, cistite, congestão hepática, dispepsia, distúrbio estomacal, edema, engorgitamento do baço, febre biliosa, fígado, hemoptise, hepatite, icterícia, nefrite, nervosismo, picada de cobras, vesícula biliar, retenção de urina, uretrite, vias urinárias.

Modo de usar:

- Decocção de 20 g de raiz fresca ou 10 g de raiz seca em um litro de água. Depois que ferver deixe durante 10 a 15 minutos. Após, tapar e deixar esfriar. Tomam-se 4 a 5 xícaras ao dia.