Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

ESPINHEIRA SANTA PARA EMAGRECER

Maytenus Aquifolia

Descrição: Da família das Celastráceas, também conhecida como espinho de Deus, salva-vidas e sombra de touro. Árvore perene que atinge de 2 a 3 metros de altura, de porte arbústico ou arbustivo. As folhas são inteiras e apresentam ou não espinhos dentados nas bordas. As flores são axilares. O fruto é uma cápsula de cor avermelhada, que apresenta uma semente com arilo. Reproduz-se por sementes, preferindo climas mais amenos. Ocorre espontaneamente ou por meio de cultivos. A colheita das folhas pode ser feita em qualquer época do ano.

Propriedades: Cicatrizante, diurética, antisséptica e analgésica.

Indicações: O chá das folhas possui poder cicatrizante e analgésico. É empregado no tratamento das afecções do aparelho digestivo e para cicatrizar feridas. O chá alivia a dor e apressa a cicatrização das úlceras estomacais e do duodeno. Atua aliviando a acidez do estômago e os gases intestinais.

Princípios Ativos: taninos , ácidos tânicos, terpeno, flavóides, mucilagens, açúcares livres e sais minerais, enxofre, sódio e cálcio.

Espinehira Santa

Modo de usar:

Infusão - 2 colheres de sopa de folhas picadas ou 12 folhas frescas grandes em 1 litro de água. Tomar durante o dia em intervalos regulares, de preferência próximo as refeições.

Compressa - utiliza-se à infusão.

Tintura - 2 colheres de sopa a cada 8 horas.

VEJA TAMBÉM EM NOSSO SITE :

Formulação Caseira de Extrato Alcoólico da Espinheira-Santa.

Receita Caseira do Chá da Espinheira Santa.

Toxicologia: Em mulheres em período de lactação, o uso prolongado pode reduzir a produção de leite. Não é recomendada para crianças, gestantes. Evite o uso em caso úmero reduzido de pessoas.

Efeitos colaterais: Pode provocar contrações uterinas e reduzir a produção de leite nas mulheres. O extrato aquoso é abortifaciente em ratas grávidas (100mg/k g i.p.) e citotóxica em células Leuk-P 388, CA9kb e V79. A administração por via oral de infusos e liofilizados de folhas, não mostrou qualquer efeito tóxico em doses de até 1.600 vezes superiores aquelas recomendada.


Dieta  de 21 dias