Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

BENEFÍCIOS MEDICINAIS DA JACA

Artocarpus integrifolia

Planta asiática, conhecida pelo resto do mundo desde a era cristã, que se disseminou em todas as regiões úmidas do mundo.

Descrição : planta da família das Moraceae, também conhecida como jaca-da-Bahia, jaqueira. Os portugueses trouxeram a jaca para o Brasil no século XVII, o qual se tornou espontânea. Suas folhas são alternas, inteiras e coriáceas, possui um broto terminal, com inflorecêsncias envolvidas em um par de brácteas .

Parte utilizada: frutos, raízes, resina, sementes.

Origem: Índia.

História: Essa planta exótica foi trazida para o Brasil no século 18, onde foram trazidas três variedades, jaca manteiga, jaca mole e jaca dura.

Princípios Ativos: carboidratos, fibras, vitaminas do complexo B e dos complexos C, E, e K, além de cálcio, ferro, manganês, fósfora e iodo.

Propriedades medicinais: antiasmática, antidiarreica, antitussígena, cicatrizante, diurética.

Indicações: A polpa é boa para os intestinos, expectorante e o pó das sementes é utilizado em queimaduras.

Modo de usar:

- consumida ao natural ou no preparo de doces, compotas ou geleias. Sua semente, assada ou cozida, substitui castanhas e é utilizada na fabricação de farinha para purês e bolos;

- resina da planta: cicatrizante;

- raiz: asma;

- sementes: desarranjos intestinais;

- fruto: diurética, tosse.

Jaca, o fruto no pé

Informações Nutricionais:

Energia 155 calorias
Carboidratos 39,6 g
Proteínas 2,4 g
Gorduras 0,5 g
Fibras 2,6 g



Bibliografia:

SOUZA, Julio Seabra Inglez, Aristeu Mendes Peixoto, Francisco Ferraz de Toledo - Enciclopédia agrícola brasileira: I-M - EdUSP, 1995

REZENDE, André ., O poder das ervas: vida natural - IBRASA, 2006