Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

PARA QUE SERVE O LEVANTE

Mentha viridis

Um erva da família das mentas, têm propriedades medicinais muito semelhante às da hortelã-pimenta, como a de calmante.

Descrição : Planta da família das laminaceas, também conhecida como alevante, elevante e hortelã-silvestre.

As mentas são plantas herbáceas vivazes, compreendendo numerosas espécies, das quais muitas são cultivadas visando suas propriedades aromáticas e condimentares, ornamentais ou medicinais.

Planta herbácea rizomatosa ( caules subterrâneos ) que emite haste quadrangular de coloração verde ou arroxeada; folhas de aroma característicos. Como todas as mentas, o levante possui um caule quadrangular, de cor púrpura. Medindo entre 30 e 60 cm de altura, raramente floresce geralmente é estéril e é proliferada por meio de mudas.

As flores com corola pequena e violácea.

Suas folhas são verde escuras estriadas de roxo, ovalanceoladas.

Partes Utilizadas: Folhas.

Origem : Europa e África.

Propriedades : Calmante, vermífugo, antiespasmódico e antelmíntico

Indicações : Calmante, vermífugo, antiespasmódico e antelmíntico. Também é usada como aromatizante da cerveja.

Princípios Ativo : óleo essencial contendo mentol, vermífugo e calmante.

Modo de Usar :

Infusão de 10 gramas da planta seca em 1 litro de água. Tomar 2 a 3 xícaras de chá ao dia.

levante
levante levante levante

Bibliografia:

FONTANELLA, Tamaris. Herbanário Sagrado, A Fitoterapia Ancestral - Clube de Autores, 2007. Página 34

GONSALVES, Paulo Eiró., Livro Dos Alimentos - Nova Edição, Revista e Ampliada, MG Editores, 1992. Página 67

PAIVA, Maria de Fátima Sousa e Silva, Jorge., Teofrasto, história das plantas: tradução portuguesa, com introdução e anotação - Imprensa da Universidade de Coimbra / Coimbra University Press, 2016.