Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

BENEFÍCIOS DA MOSTARDA

Brassica campestri

Descrição : Planta anual, ereta, atingindo cerca de 1 a 2 metros de altura; caule ramificado; folhas de formas variadas, flores amarelas, dispostas em cachos terminais, sementes castanho escuras, originária da Europa, da família das cruciferae.

Propriedades :Anticarígena, revulsiva e vesicatória, externamente é rubefaciente. Para inflamações localizadas em geral.

Indicações : Raízes fortificantes que combatem a tubérculos e moléstias do aparelho urinário, inclusive cálculos renais. As sementes misturadas com farinha de mandioca reduzem furúnculos e servem para o tratamento de feridas. Combate as cáries.

Princípios Ativo : Indol e isotiocinato de alila ou servol.

Modo de Usar : Cataplasma - o preparo não deve ser feito com água em temperatura superior a 50 graus, pois a mirosina, que transforma o glicosídio sanalbina em isoticianato de alila, perde o efeito. Sementes trituradas com papa de farinha de mandioca morna são espalhadas sobre um pano e colocadas sobre a área afetada. Observar a cada 15 minutos, pois, se formar bolhas ou se a pessoa sentir incômodo insuportável, deve-se retirar a Cataplasma .

Toxicologia : As folhas ou sementes, quando em Cataplasma ou emplasto, não devem ficar muito tempo sobre o mesmo local, sob o risco de causar queimaduras ou bolhas.

Mostarda