Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

PRUNELA

Prunella vulgaris.

Descrição : Planta da família das Lamiaceae, também conhecida como brígula, erva-férrea. Planta perene que atinge até 25 centímetros de altura, costuma ser prostada e rastejante.

As folhas opostas são arredondadas e ligeiramente dentadas, como as da bráctea, com flores em tonalidade que vão da cor de lavanda ao violeta, crescendo em cachos.

Lineu mudou o nome original de Brunella, para Prunela. Parkinson explicou que os alemães a chamavam de Brunella porque curava uma doença que eles chamam de die bruem ou amigdalite, muito comum em soldados em batalha.

Parte utilizada: planta inteira.

Plantio : A prunela cresce ao longo das estradas, em terrenos vazios, nos campos, em terras abandonadas, perto de riachos e à beira das florestas.

Origem : Natural da Ásia, chegou a América através dos imigrantes europeus.

Princípios Ativos: ácido ursólico, alcaloides, princípio amargo, óleo essencial.

Prunela

Propriedades medicinais: Adstringente, analgésica, antisséptica, antibiótica, antiemética, antiespasmódica, anti-inflamatória, antimutagênica, antitumoral, carminativa, catártica, cicatrizante, depurativa, diurética, febrífuga, hemostática, hipotensiva, sedativa, tônica, vermífuga, vulnerária.

Indicações: Aromaterapia (promover a autoestima, autoconfiança, bem-estar geral), coração, câncer, cólica, constipação, distúrbio gastrenterológico, doença brônquica, doença venérea, doença da pele, dor em geral, dor na garganta, edema, espasmo, faringite, ferida, febre, flatulência, gota, hemorragia, hemorroida, hipertensão, inflamação em geral, inflamação na boca/garganta, leucorreia, náusea, pulmão, resfriado, sarna, tosse, toxina no sangue, tuberculose, verme intestinal.

Modo de usar: gargarejo, infusão, emplasto.


Dieta  de 21 dias