Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

Para que serve a Sanguinaria

Sanguinaria canadensis

A sanguinária Canadensis é uma erva muito utilizada em formulações fitoterápicas, utilizada no tratamento de enxaquecas.

Descrição : Planta da família das Papaveraceae, também conhecida como raiz vermelha.

A Sanguinária ajuda a relaxar músculos bronquiais. Na medicina alternativa, é usada em forma de pomada para eczema, fungos, inibição de placa, lombriga, cânceres de pele e verrugas. Em forma de pasta de dentes e líquido para limpeza bucal para dentes sensíveis, reduzindo a placa e sensibilidade no dente. Gargarejo para dor de garganta. Inalado para pólipos nasais.

O extrato da Sanguinária interfere na habilidade de bactérias para converterem carboidrato em ácidos danosos ao corpo humano. Também bloqueia uma enzima que destrói o colágeno nos tecidos e reduz a formação de placas

É muito utilizada na Homeopatia, mas só é utilizada com orientação médica profissional. A raiz fresca irrita a pele e é ligeiramente cáustica. A planta é um pouco tóxica se usada impropriamente e administradas em pequenas doses homeopáticas por profissionais experientes. Não deve ser utilizada durante a gravidez, amamentação e por pessoas que sofrem de glaucoma. Doses grandes podem causar vômito.

A seiva da Sanguinária era usada em cerimônias para pinturas corporais por índios nativos americanos. A planta só é usada quando devidamente tratada.

Origem : Canadá

Propriedades Medicinais: antibacteriano, catártico, diurético, emético, expectorante, febrífugo, sedativo, tônico estimulante.

Indicação : Dores de cabeça e enxaquecas que atacam normalmente pela manhã, na nuca e que sobe para a fronte e localiza-se sobre o olho direito, melhora no escuro e no silêncio. Grande fraqueza e prostração.
Para o ardor com vários órgãos. Menopausa com calor no rosto e ardor nas mãos e nos pés. Tosse seca ou úmidas; dores de ouvido; faringite crônica, seca e com a garganta vermelha e lisa e pólipos nasais. Leucorreia.


Dieta  de 21 dias